‘SINAIS DA ANSIEDADE: COMO A DOENÇA AFETA O SEU CORPO’

Mais de 18 milhões de brasileiros vivem com algum transtorno de ansiedade (são 9 subtipos). Veja sinais comuns da ansiedade

Ansiedade é um processo do cérebro, desencadeado quando estamos diante de um desafio, como uma prova ou uma entrega do trabalho. O problema é quando, seja por estímulos estressantes constantes ou outros fatores, a angústia cresce sem parar. Veja sinais de que você está ansioso. Por Chloé Pinheiro, colaboração para o VivaBem*

Pavio curto

A pessoa fica mais irritadiça e nervosa, sente-se no limite, aborrecida e perde a paciência rapidamente, como se fosse explodir a qualquer momento. Não estamos falando de ficar bravo ou irritado toda segunda-feira ou quando uma reunião vai mal. Para que isso seja um sintoma, é preciso que esses sentimentos e emoções ocorram com frequência

Preocupação por nada

Eis um dos traços clássicos do TAG (transtorno de ansiedade generalizada): quando a preocupação deixa de ser pontual para virar angústia contínua e incontrolável em relação a eventos futuros que não deveriam ter tanto peso. Sentir medos irreais de que coisas horríveis aconteçam com você ou com os outros também é um sinal

Noites em claro

A insônia que dura dias e aparece por meses seguidos é um dos principais indícios de que a tensão talvez tenha virado doença. Com a mente acelerada, a cabeça não engrena no sono. Ao mesmo tempo, as poucas horas de descanso são facilitadoras da ansiedade

A mil por hora

O turbilhão de pensamentos faz da agitação uma constante: às vezes, é difícil até permanecer sentado por muito tempo. A dificuldade de concentração também pode aparecer, assim como o cansaço fácil

Comportamento mudado

Às vezes, estamos tão presos na teia de preocupações e angústias que não percebemos as mudanças no nosso próprio comportamento. Pessoas mais próximas podem comentar que você anda acelerado demais, grosso, ou muito tenso. Não deixe de escutar essas pessoas

O supertrabalhador

Pessoas que têm TAG costumam se dar bem empregos com muitas demandas. A mente inquieta se distrai com os afazeres múltiplos e, assim, elas parecem meros funcionários eficientes

Perdendo o controle

A falta de organização é uma característica da pessoa preocupada ao extremo. Nesse afã de dar conta de tudo, ela pode se atrapalhar no planejamento e acumular muitas tarefas para realizar ao mesmo tempo. Mais uma fonte de angústia

Quando o corpo sente

A apreensão cansa e bagunça não só o cérebro, mas o organismo todo. As dores de cabeça surgem, assim como outras dores musculares –principalmente nas costas– provocadas por tensão. Os anos de ansiedade não tratada também aumentam o risco de doenças cardíacas, como a hipertensão

Outros sintomas

Dor intensa no peito, dificuldade de respirar, tremedeiras, comportamentos compulsivos, medo extremo de morrer ou enlouquecer e outros podem ser sinais de outros transtornos da mesma família, que frequentemente coexistem na mesma pessoa. Vale fazer a diferenciação no médico, até mesmo porque eles têm tratamentos diferentes

* Matéria publicada no portal VivaBem, do UOL. Para acessá-la na íntegra: https://vivabem.uol.com.br/album/2018/04/09/sinais-da-ansiedade.htm?foto=1

***

…………
Quer saber mais sobre o transtorno de ansiedade? Conheça o livro do psiquiatra e psicoterapeuta especialista na área Breno Serson:

TRANSTORNOS DE ANSIEDADE, ESTRESSE E DEPRESSÕES
Conhecer e tratar
Autor: Breno Serson

Insônia, falta ou excesso de apetite, falta de ar, tonturas, medos, aperto no peito, pensamentos angustiantes. Esses e outros sintomas físicos e mentais podem indicar um transtorno de ansiedade ou depressão, que atinge cada vez mais nossa sociedade contemporânea. Este livro objetiva partilhar conhecimento, em linguagem simples, sobre os transtornos ansiosos e depressivos e os tipos de tratamento disponíveis, refletindo sobretudo sobre a integração de tratamentos convencionais e de medidas gerais benéficas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*