porno porno porno porno mobil porno



Conheça também os sites das editoras do Grupo Editorial Summus
nossa história envio de originais distribuidores imprensa fale conosco
Você tem 0 produtos no carrinho
  • quero me cadastrar|
  • como comprar|
  • frete|
  • site seguro|
  • blog do Grupo Summus
  • esqueci minha senha
  • login|
  • Busca
    | [ Busca avançada ]

    Atendimento

    Assuntos

    Mais vendidos

    Tags

    Site seguro

    NotíciasNotícias

    AUTORES DA SELO NEGRO AUTOGRAFAM NA LIVRARIA MARTINS FONTES, DIA 13

    A Selo Negro Edições e Livraria Martins Fontes (São Paulo) promovem no dia 13 de maio, quinta-feira, das 19h às 21h30, a noite de autógrafos do livro História da África e afro-brasileira – Em busca de nossas origens, de Elisabete Melo e Luciano Braga. Terceiro volume da Coleção Consciência em Debate, organizada por Vera Lúcia Benedito, a obra conta a história afro-brasileira partindo da vida de um personagem como tantos outros das escolas do Brasil. O objetivo é valorizar a participação do negro em todo o processo histórico e cultural brasileiro. A livraria fica na Av. Paulista, 509 – São Paulo, próximo à estação Brigadeiro do metrô.

    A história da África é contada sob a ótica do personagem Lube, um jovem humilde que volta à escola muito tempo depois de ter abandonado os estudos. Na sala de aula, conhece suas origens africanas e a história de seus antepassados – dos primórdios do surgimento da humanidade até a luta por igualdade no século XXI.

    Acompanhando Lube nessa viagem ao longo dos séculos, o leitor entra em contato com o destino dos milhões de negros que foram trazidos à força para o Brasil. Nesse percurso, surgem políticos, artistas e líderes praticamente desconhecidos, configurando o resgate da tradição e da memória afro-brasileira. “O livro mostra um pouco do que está sendo feito na educação para valorizar a participação do negro em todo o processo histórico e cultural brasileiro”, revelam os autores.

    A escola, onde parte da história se desenrola, é um dos Centros de Integração de Jovens e Adultos (Ciejas) que existem na capital paulista. Baseados na inclusão, os centros atendem cerca de 1.800 alunos a partir dos 15 anos de idade, em horários diferenciados, a fim de acolher aqueles que pretendem voltar aos bancos escolares. Os cursos vão da alfabetização até o 9º ano, dividem-se em módulos e ainda oferecem a dupla docência em sala de aula.

    Para saber mais sobre o livro, acesse http://www.gruposummus.com.br/detalhes_livro.php?produto_id=1213 .

    Saiba mais sobre o livro lançado clicando aqui

    Comentar esta notícia

    Envie esta notícia para um amigo


    Ver outras notícias

    Blog

    Foco no autor

    Nosso catálogo