Conheça também os sites das editoras do Grupo Editorial Summus
nossa história envio de originais distribuidores imprensa fale conosco
Você tem 0 produtos no carrinho
  • quero me cadastrar|
  • como comprar|
  • frete|
  • site seguro|
  • blog do Grupo Summus
  • esqueci minha senha
  • login|
  • Busca
    | [ Busca avançada ]

    Atendimento

    Assuntos

    Mais vendidos

    Tags

    Site seguro


    NotíciasNotícias

    O ESTADO DE SÃO PAULO DESTACA A BIOGRAFIA DE LUIZ GAMA

    O caderno Sabático, do jornal O Estado de S. Paulo, publicou um artigo sobre o livro Luiz Gama, da coleção Retratos do Brasil Negro (Selo Negro Edições), no dia 24 de julho (sábado). No artigo, intitulado “Tributos ao bardo da causa negra”, Lilia Moritz Schwarcz, professora titular do Departamento de Antropologia da USP, afirma que a obra recupera a vida de Gama e acentua o seu perfil ativista. Filho de uma guerreira negra e de um senhor de engenho, Gama é protagonista de uma das mais interessantes histórias de vida, que tem como pano de fundo a presença negra no Brasil. Saiba mais sobre este livro clicando aquiA biografia escrita pelo professor Luiz Carlos Santos revela seu pioneirismo como abolicionista e intelectual.

    Considerado um dos maiores abolicionistas do Brasil, Luiz Gonzaga Pinto da Gama tornou-se o arauto da libertação dos negros e da luta contra a opressão. Advogado, jornalista, poeta, membro da maçonaria e fundador do Partido Republicano Paulista, Gama morreu em 1882 tendo libertado, nos tribunais, mais de 500 negros. No livro, Santos revela a trajetória de uma das personalidades mais importantes do século XIX no Brasil imperial e escravista, destacando sua atuação pioneira como abolicionista e intelectual. “Trata-se de uma biografia singular que articula luta com inteligência”, revela o autor. Para ele, Gama foi o pai da negritude brasileira e manteve firme o princípio que norteou toda sua vida.

    A biografia traça o perfil de um jovem negro, autodidata, profundo conhecedor das letras e das leis, radical na luta pela liberdade e pelos ideais republicanos, em um império escravocrata. Incansável agitador das causas negras, Gama foi perseguido e ameaçado de morte. Para o autor, seu espírito de superação fortaleceu a atuação abolicionista. “Sua vida é uma forte referência para a nossa história e permite uma releitura da história do Brasil”, complementa. E deverá ser, diz ele, uma das grandes contribuições à luta pela equidade.

    Para saber mais sobre o livro, acesse
    http://www.gruposummus.com.br/detalhes_livro.php?produto_id=1219

    Comentar esta notícia

    Envie esta notícia para um amigo


    Ver outras notícias

    Blog

    Foco no autor

    Nosso catálogo