‘REGRAS PARA REDIGIR ROTEIROS’

Em sua coluna publicada na Folha de S.Paulo aos sábados, o jornalista, escritor e diretor de cinema cubano Leonardo Padura elogiou Doc Comparato, autor do livro Da criação ao roteiro – Teoria e prática, da Summus Editorial. Padura disse que teve o privilégio de estar com o premiado roteirista em Havana, Cuba. Segundo ele, os livros de Comparato sobre roteiros para cinema e televisão “são o mais próximo da Bíblia”. Leia a coluna na íntegra: http://goo.gl/72KhYe.

Depois de uma longa temporada na Europa, Comparato voltou ao Brasil com uma meta: reescrever a obra que se tornou referência para roteristas do mundo todo. O trabalho foi árduo, mas a missão foi cumprida. 10540Muito além de um compêndio sobre dramaturgia e comunicação de massa, a obra – lançada originalmente em 1987 e revista, ampliada e atualizada em 2009 – traz conceitos únicos, contemplando todas as esferas da arte e da técnica de escrever para televisão e cinema.

Com exercícios atualizados, análises de roteiros e planilhas de avaliação, o livro trata dos tipos de diálogo, da estrutura dramática, da filosofia da ideia e das qualidades criativas necessárias ao roteirista. Em trechos inéditos, Doc mostra como escrever roteiros para as mídias digitais e apresenta o diário secreto de um roteirista, no qual conta os dias em que trabalhou ao lado de Gabriel García Márquez.

A obra é adotada pelas melhores escolas de comunicação do mundo, tais como o Real Instituto Oficial de Rádio e Televisão da Espanha, as universidades do Cone Sul, de Portugal e da Itália e as Escolas de Cinema de Berlim e Munique.

“A nova edição traz ampliações propícias para os dramaturgos do século XXI”, revela o autor. Trata-se de um livro didático, voltado em primeiro lugar para os principiantes na arte de escrever roteiros. Transmite experiência e saber de maneira metódica e sistemática, tendo em vista a formação de profissionais capacitados.

Dividida em quinze capítulos e três anexos, a obra aborda desde a ideia e os primeiros apontamentos até o roteiro em sua forma final, passando por tópicos como conflito, personagem, ação, tempo e unidade dramáticos. A edição atualizada inclui um capítulo que classifica roteiro para shows musicais, abordando desde a introdução temática de um show da Broadway até as especificações de um musical brasileiro e a sequência criativa da passagem de uma escola de samba. “É o único livro reconhecido no exterior por estimular o leitor por meio da filosofia da ideia, da criatividade e dos conceitos de cena. Um modo único de pensar, fazer e aprender dramaturgia”, destaca Doc.

Para saber mais sobre o livro, acesse:
http://www.gruposummus.com.br/gruposummus/livro/1186/Da+cria%C3%A7%C3%A3o+ao+roteiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*