UOL INDICA A LEITURA DO LIVRO “ALONGUE-SE”

O espaço Boa Forma do site UOL sugeriu a leitura do livro Alongue-se (Summus Editorial), de Bob Anderson, na reportagem intitulada “Idade avançada não é obstáculo para correr, afirmam especialistas”, publicada nesta segunda (27 de janeiro). A jornalista Gretchen Reynolds, do The New York Times, afirma que em muitos casos o exercício de alto impacto pode ser benéfico para quem está na meia idade ou além. O site indica exercícios de alongamento para fazer antes e depois da corrida. Leia a íntegra da reportagem: http://goo.gl/uiNHT3.

Consolidando um sucesso de três décadas, o livro Alongue-se ganhou edição revista, atualizada e ampliada em 2013. A obra traz novas séries de exercícios – para fazer no escritório, no dia a dia ou antes/depois de praticar esportes. Com cerca de mil ilustrações, agora em duas cores e que facilitam a compreensão das instruções, a obra permite que qualquer pessoa incorpore o alongamento em sua rotina. Especialista em alongamentos mais conhecido do mundo, Anderson é responsável pela introdução do conceito de alongamento no Brasil, na década de 1980.

10882A edição comemorativa dos 30 anos da publicação da obra traz dez novas séries de alongamentos para pessoas que trabalham em escritório e no computador, dicas de ergonomia e prevenção de lesões por esforços repetitivos, além da descrição de quatro tipos de exercícios, inclusive o dinâmico para atletas. “O alongamento é uma atividade suave, simples, que pode ser executada por qualquer pessoa, em qualquer lugar, a qualquer hora”, afirmam os autores. A nova edição contém 150 alongamentos com instruções simples, indicada também para médicos, profissionais de saúde, terapeutas corporais e fisioterapeutas na prescrição de exercícios para pacientes.

O alongamento, segundo Anderson, é o importante elo entre a vida sedentária e a vida ativa. Mantém os músculos flexíveis, prepara para o movimento e ajuda a realizar a transição diária da inatividade para a atividade vigorosa sem tensões excessivas. Para ele, o método é especialmente importante para aqueles que correm, andam de bicicleta, jogam tênis ou se dedicam a outras atividades desgastantes, que provocam tensão e rigidez. De acordo com o especialista, alongando-se antes e depois de exercícios físicos é possível manter a flexibilidade e evitar lesões comuns, como problemas nos joelhos causados por corridas e dor nos ombros ou nos cotovelos provocada pela prática do tênis.

O alongamento, segundo Anderson, é o importante elo entre a vida sedentária e a vida ativa. Mantém os músculos flexíveis, prepara para o movimento e ajuda a realizar a transição diária da inatividade para a atividade vigorosa sem tensões excessivas. Para ele, o método é especialmente importante para aqueles que correm, andam de bicicleta, jogam tênis ou se dedicam a outras atividades desgastantes, que provocam tensão e rigidez. De acordo com o especialista, alongando-se antes e depois de exercícios físicos é possível manter a flexibilidade e evitar lesões comuns, como problemas nos joelhos causados por corridas e dor nos ombros ou nos cotovelos provocada pela prática do tênis.

Para saber mais sobre o livro, acesse:
http://www.gruposummus.com.br/gruposummus/livro/1329/ALONGUE-SE