Fábio Paranhos

Paulistano, é arquiteto de formação. Especialista em recursos humanos, trabalha na área de treinamento e desenvolvimento de pessoal. Sempre envolvido em atividades do terceiro setor e na defesa de causas ligada à cidadania LGBTI, foi um dos fundadores do Grupo de Pais de Homossexuais (GPH) e do Projeto Acolher, que dá apoio à adoção. Participante do Homopater desde sua fundação, é pai de Sofia, adotada em 1999 e hoje com 20 anos. Desde 2005 mantém o blogue Homem, Homossexual e Pai, onde discute questões ligadas à paternidade homoafetiva com base em sua história pessoal.

Livros deste autor

ATENÇÃO
Devido à pandemia de COVID-19, a qual nos impede de estimar e cumprir prazos de entrega, nossa loja está desabilitada para compra até que a situação se normalize. Você pode navegar normalmente, acompanhar nosso blog e comprar as obras nas lojas de nossos parceiros por meio dos links diretos na página de cada livro. Em breve nossa loja estará de volta e voltaremos a atendê-lo diretamente.

Exibindo 1 resultado

Coragem de ser

Relatos de homens, pais e homossexuais
Fábio Paranhos
Vera Moris
R$51,00

Em estoque

Contrariando o senso comum, estudo recente realizado na Universidade de Toronto, no Canadá, estimou que mais da metade dos pais homossexuais era composta por pais biológicos e não adotivos. De início, essa informação gera questionamentos do tipo: por que se casou e teve filhos se sabia ser gay? Por que escondeu o fato da família? Trata-se de um ato de covardia?Este livro mostra que esse raciocínio, mais que incorreto, é preconceituoso. Esses homens se casaram com parceiras por quem estavam apaixonados e com elas tiveram filhos. Viveram, entre o namoro e o casamento, uma vida satisfatória. Para alguns, encontrar a mulher amada depois de uma infância e de uma adolescência problemáticas representava a possibilidade de constituir família. Porém, mais tarde, eles constataram aquilo que não conseguiam mais esconder: a inevitável atração – tanto sexual quanto afetiva – por pessoas do mesmo sexo.Como agir diante de tal constatação? Que fazer quando se percebe que não se pode mais enganar a si mesmo? Como não machucar as pessoas que ama – pais, amigos, parentes próximos e, sobretudo, a esposa e os filhos?Neste livro, Vera Moris e Fabio Paranhos apresentam 15 depoimentos de homens que assumiram a homossexualidade depois de ter formado uma família. A vergonha, a dor e a culpa aparecem nos relatos, assim como a esperança, a capacidade de superação e o amor incondicional pelos filhos. Dedicado àqueles que estão enfrentando essa situação e sentem-se isolados, o livro também se destina à família desses homens tão corajosos, sendo indicado ainda para terapeutas e coordenadores de grupos de apoio.