ISBN: 9788532304773

Grande filme, O

Dinheiro e poder em Hollywood

Autor(es): Edward Jay Epstein

Os bastidores de Hollywood são revelados nesta obra esclarecedora e divertida. Edward Epstein mostra que por trás da aura do cinema existe um elemento indiscutivelmente sedutor: o dinheiro. Em histórias de bastidor e perfis dos pioneiros da indústria cinematográfica, o autor faz um retrato cru e impactante de um universo dependente de poder, prestígio e status.

Em estoque

R$120,90

ISBN: 9788532304773

Assuntos: ,

Editora: Summus Editorial

Se preferir, compre este livro nos sites de nossos parceiros abaixo:

Detalhes do Livro

ISBN 9788532304773
REF: 10477
Edição 1
Ano 2008
Nº de Páginas 384
Peso 0.62 kg
Formato 17 × 24 cm

Edward Jay Epstein


Estudou ciência política nas universidades de Cornell e Harvard e recebeu seu Ph.D. de Harvard em 1973. Sua dissertação de mestrado sobre a procura da verdade na política (Inquest: the Warren Commission and the establishment of truth) e sua tese de doutorado sobre o noticiário na tevê (News from nowhere) foram ambas publicadas. Ensinava ciência política no Massachusetts Institute of Technology (MIT) e na University of California, Los Angeles (Ucla), mas decidiu que escrever livros era uma atividade mais educativa. O grande filme é seu décimo terceiro livro. Vive em Nova York. Visite o website do autor: www. edwardjayepstein.com.

Leia o sumário e as primeiras páginas deste livro abaixo ou, se preferir, faça o download do PDF

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?

Reload Reload document
| Open Open in new tab

Download [154.41 KB]

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Grande filme, O”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de…

Cinema brasileiro a partir da retomada

Aspectos econômicos e políticos
Marcelo Ikeda
R$75,70

Em estoque

Este livro traça um panorama das políticas públicas para o setor audiovisual, com ênfase nas políticas cinematográficas, dos anos 1990 até 2010. Nesse período, o cinema nacional passou por grandes mudanças, oscilando entre a crise profunda e momentos de incontida euforia. Analisando os períodos de reconstrução, consolidação e reavaliação do modelo estatal, o autor oferece um panorama rico e atual sobre o tema.