De Franthiesco Ballerini, “A história do cinema mundial” traz uma linguagem acessível em uma das melhores pesquisas realizadas sobre o tema no Brasil.

.

Ontem, 27 de março, foi realizada no Teatro Dolby, em Los Angeles (Estados Unidos), a maior premiação do cinema mundial, o Oscar. A primeira cerimônia de premiação do Oscar aconteceu em 1929, organizada pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, fundada dois anos antes.

Para os estudantes da área, especialistas ou apaixonados por cinema, o livro História do cinema mundial, do professor e jornalista Franthiesco Ballerini, é uma leitura necessária sobre o tema, pois o livro é sem dúvida uma das maiores obras nacionais já publicadas.

O autor fez uma grande pesquisa, desde o nascimento do cinema no século XIX, na era pré-industrial, a popularização do gênero em cada um dos continentes, até a atualidade em diversos países. E o autor não deixa de mencionar novas tendências, como o poderoso streaming.

“Eu já havia ministrado cursos de cinema para mais de 150 turmas e há anos vinha sentindo a necessidade de trabalhar num livro que promovesse uma espécie de passeio cultural pelo mundo por meio do cinema. Claro que o cinema industrial está bem apontado, mas o objetivo maior é que o leitor pudesse conhecer um pouco sobre as diferentes culturas do mundo por meio dos melhores filmes de muitos destes países”, explica Ballerini.

Além de entretenimento, a história do cinema se confunde com a cultura e momentos históricos sejam eles mundiais, locais ou até mesmo particulares de uma pequena região. Um caso citado pelo autor é do cinema espanhol, que passava pela ditadura de Francisco Franco, entre 1936 e 1975, diversos setores culturais sofreram com a censura do regime, mas mesmo assim alguns filmes conseguiram burlar as autoridades e criticar o sistema da época, como o caso da comédia A cadela (1972) (conforme a página 196 do livro).

O livro também conta com diversas listas das principais produções mundiais e sinopses dos clássicos lembrados até hoje e o autor encerra a obra de como os documentários contribuíram na história do cinema mundial.

.

LEIA UM TRECHO:

“Charles Chaplin foi, sem dúvida, o primeiro grande ícone da história do cinema, um talento de múltiplos talentos, autor de obras-primas como ‘O garoto’ (1921), ‘Em busca do ouro’ (1925), ‘Tempos modernos’ (1936) e o corajoso ‘O grande ditador’ (1940), sátira a Adolf Hitler lançada em plena Segunda Guerra Mundial. Chaplin parecia predestinado a interpretá-lo. Bancou o orçamento de US$ 2 milhões do próprio bolso, gastou dois anos para terminá-lo e foi ameaçado pelos censores do Código Hays1.”

1Criado em 1930 pela Motion Picture Producers and Distributors of America (MPPDA), entidade
à época chefiada por Will H. Hays, o código visava censurar filmes considerados “imorais”.

Páginas 32 e 33


Conheça o livro, que está disponível nas versões impressa e digital:

.

HISTÓRIA DO CINEMA MUNDIAL
Autor: Franthiesco Ballerini
SUMMUS EDITORIAL

Fruto de três anos de profundas pesquisas, História do cinema mundial traz um viés inédito para o estudo do tema: o enfoque geográfico e cultural da sétima arte. Na primeira parte do livro, Franthiesco Ballerini explica como se formaram as principais indústrias cinematográficas do mundo, como Hollywood e Bollywood. Em seguida, passeia pelos movimentos cinematográficos mais emblemáticos do planeta – como o Neorrealismo italiano e a Nouvelle Vague francesa. Na terceira parte, o autor faz uma análise detalhada do melhor cinema feito em cada continente, detalhando aspectos culturais, estéticos e de linguagem. Utilizando o didatismo que lhe é característico, Ballerini se dirige a estudantes de artes e comunicação, profissionais do cinema e do audiovisual, professores e artistas. Na obra, o leitor também encontrará:

  • pequenas sinopses dos filmes mais importantes;
  • curiosidades sobre os bastidores da indústria cinematográfica;
  • listas com os filmes fundamentais;• lindas fotografias que ajudam a contar a história de cada capítulo;
  • índice onomástico composto por todas as películas citadas e por diretores, atores e produtores.

1 comment

  1. Livro muito bom! Vale a pena ter em casa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Entre com seu e-mail para receber ofertas exclusivas do Grupo Summus!

    X